Logística

ID Logistics fatura 658 M€ no primeiro semestre

ID Logistics fatura 658 M€ no primeiro semestre

A ID Logistics registou uma faturação de 658 milhões de euros no primeiro semestre deste ano, um crescimento de 42,8% face ao período homólogo.

Éric Hémar, Presidente e Diretor Geral da ID Logistics, refere que “a tendência positiva do início do ano continuou e a ID Logistics regista um crescimento semestral historicamente elevado, com +12,6% em crescimento orgânico e, claramente, a expansão dos numerosos novos contratos obtidos em 2016. Por outro lado, desde há alguns meses, num contexto mais favorável, temos registado efeitos preço-volume positivos. O Grupo beneficia das contribuições de Logiters, adquirida em setembro de 2016, e cuja integração está finalizada.”

De acordo com a empresa, o desempenho dos primeiros seis meses do ano “é amplamente atribuído, tanto em França quanto no plano internacional, ao efeito ano pleno dos processos iniciados em 2016 e a um efeito preço/volume ligeiramente positivo no plano global. Por outro lado, a ID Logistics tem tirado proveito, desde o início do ano, de um efeito de câmbio favorável, e a integração da Logiters, adquirida em setembro de 2016, está em conformidade com os objetivos do Grupo.”

Em França, a ID Logistics registou no primeiro semestre uma faturação total de 309,6 milhões de euros, mais 11,5% do que no período homólogo. Nos outros mercados em que a empresa opera, por sua vez, a faturação do semestre atingiu os 348,7 milhões de euros, mais 90,2%.

“No decurso deste primeiro semestre, o Grupo ID Logistics concentrou-se na finalização da integração da Logiters e no aumento da produtividade das numerosas unidades que iniciaram em 2016, com vista ao aumento de sua rentabilidade a partir do segundo semestre de 2017. Por outro lado, a ID Logistics tem continuado a atender aos novos desafios de seus clientes, com vista, especialmente, a prosseguir o seu crescimento a um ritmo superior ao do seu mercado e de examinar oportunidades de crescimento externo, sobretudo no Norte da Europa, para oferecer-lhes uma ampla cobertura geográfica”, refere a companhia.