Logística

Conheça os números do novo centro logístico da Jerónimo Martins

Jerónimo Martins novo logo 2

75 milhões de euros é o montante investido pelo Grupo Jerónimo Martins no novo Centro Logístico de Alfena, em Valongo.

Com cerca de 100 mil metros quadrados de área, o novo centro logístico criou 450 postos de trabalho diretos e mais 300 indiretos, abastecendo cerca de 200 lojas do Pingo Doce e Recheio.

Este novo centro logístico irá permitir, segundo a JM reorganizar toda a rede logística a norte para “garantir a máxima eficácia nas entregas às lojas”.

IMG_20170927_112344

Presente na inauguração, o primeiro ministro António Costa afirmou que “o Grupo Jerónimo Martins não confunde a importância da internacionalização e do mercado interno. Não temos de ter a escolha entre mercado externo ou interno, pode-se fazer internacionalização sem menosprezar o mercado interno, e por isso não posso deixar de agradecer esse sinal de confiança no nosso país e na nossa economia”.

Por sua vez, Pedro Soares dos Santos, administrador do Grupo Jerónimo Martins, afirmou que o Grupo acredita no potencial de Portugal “e é aqui que mantemos o centro de decisão”.

 Os números do novo Centro Logístico do Grupo Jerónimo Martins:

Área Total: 100 mil metros quadrados.
Área coberta: 70 mil metros quadrados
Armazéns de secos /não perecíveis: 43 mil metros quadrados com 24 mil paletes em 2 operações.
Armazéns de frescos: 10 mil metros quadrados com 1300 a 1500 paletes expedidas por dia.
Movimentos de camiões: 500 camiões por dia.
Número de cais de carga: 170.
Número de fornecedores: 300 por dia.
Número de colaboradores: 450 diretos / 300 pessoas externas.
Duração da obra: 1 ano de avaliação de impacto ambiental e projeto + 2 anos de obra.
Horário de funcionamento: 24 horas / 6 dias por semana.