Transportes

Novo Mercedes Sprinter revelado

cof

Com previsão de chegar ao mercado português no início do verão, o novo Mercedes Sprinter foi esta terça-feira apresentado à imprensa mundial em Duisburgo, na Alemanha.

A apresentação mundial do novo Sprinter da Mercedes-Benz revelou a pretenção da marca num veículo conectado, preparado para a digitalização com o foco no uso profissional “do estaleiro de construção ao transporte VIP”, indicou a marca germânica.

A apresentação mundial, onde a LOGÍSTICA & TRANSPORTES HOJE esteve presente reforçou o papel desta nova versão para as seguintes para váris utilizações profissionais, tais como as entregas do retalho no setor CEP (Correios, Expresso e Pacotes).

 

De acordo com a Mercedes “em 2016, o valor de referência de três mil milhões de encomendas entregues foi ultrapassado pela primeira vez na Alemanha. Este número indica que as encomendas quase duplicaram desde o ano 2000. Os especialistas da indústria esperam um aumento para mais de quatro mil milhões de entregas no ano de 2021. As taxas de crescimento são ainda mais espetaculares se analisadas de forma global: apesar de o total de encomendas a nível global ter atingido o valor global de 44 mil milhões em 2014, este valor cresceu quase 48 por cento no espaço de apenas dois anos, para 68 mil milhões de encomendas de acordo com a Pitney Bowes 2017 – Índex de Envio de Encomendas.

 

Ainda de acordo com o mesmo estudo, a tendência está longe de abrandar – diversos estudos continuam a confirmá-lo e “espera-se um crescimento anual entre os seis e os oito por cento por ano, até 2025. Há muito poucos outros setores com perspetivas semelhantes de crescimento”. Apresentado estes dados a Mercedes quis sublinhar o novo Sprinter para o setor pela sua tração dianteira, “que confere ao novo Sprinter uma vantagem significativa em termos de peso. A versão de caixa fechada, a mais relevante para o setor CEP, tem menos 50 kg do que a versão anterior. O piso do compartimento de carga é “80 mm mais baixo do que o modelo antecessor. Com o lançamento deste novo Sprinter, a Mercedes reforça a oferta de “oito pacotes de conectividade” com o Mercedes PRO Connect”.

Sistema MBUX

O Sprinter é o segundo veículo da casa Mercedes (o primeiro comercial) a utilizar o sistema MBUX,  “que regista em tempo real todas as alterações no trânsito e adaptam de forma conveniente os itinerários, oferecem redução substancial de custos e de tempo”.

A Mercedes reforça o serviço de manutenção como “fator decisivo” para o portefólio do novo Sprinter. O Sprinter conta com uma motorização base de 84 kW e uma nova caixa automática de 9 velocidades com conversor de binário “assegura a melhor transferência de potência”, tal como a nova caixa manual de 6 velocidades.  De acordo com a Mercedes os preços em Portugal rondaram entre os 30 mil e os 42 mil euros, dependendo das versões e serviços.

 

Saiba mais sobre este lançamento da Mercedes na edição de Janeiro-Feveireiro da LOGÍSTICA & TRANSPORTES HOJE.