e-mile
O impacto do e-commerce na última milha

A última milha está no epicentro do e-commerce, ou melhor, m-commerce, uma vez que deixou de ser exclusivamente eletrónico para passar a ser móvel.

Os mais recentes dados (“Caracterização do e-commerce em Portugal”, da Deloitte) mostram que, em 2018, apenas cerca de 4 em 10 portugueses (37%) efetuou uma compra online no ano anterior, o 7.º valor mais baixo da UE-28, posicionando-se Portugal 23 pontos percentuais abaixo da média da UE-28 (60%) e muito distante da Dinamarca (84%), Reino Unido (83%) ou mesmo da vizinha Espanha (53%).

Os números mostram, também, que a maioria das encomendas online, em 2017, pesava menos de 2 quilos e foi entregue em casa por correio isenta de custos de envio, e que Portugal é o país na UE com maior

proporção de compras online realizadas fora do território nacional (85%). A China constitui a principal origem das compras online realizadas a operadores fora de Portugal (45%).

As previsões apontam para que o e-commerce em Portugal continue a crescer até 2023 (+12% em 2020) e desacelere até 2023 (+/-5%), convergindo para a taxa de crescimento dos restantes países europeus, nomeadamente França (6%), Alemanha (4%) e Reino Unido (5%).

Por tudo isto, a entrega da última milha será sempre um dos principais desafios colocados pelo comércio eletrónico à logística e aos transportes e o seu impacto será tema nestas Conferências da revista LOGÍSTICA&TRANSPORTES HOJE.

Programa
MANHÃ

O E-COMMERCE EM PORTUGAL
Uma visão sobre o que é o comércio digital em Portugal. Apesar de todos os indicadores referirem que o e-commerce, ou melhor, o m-commerce é o futuro, também é verdade que a penetração no mercado português ainda é muito reduzida.

ESTÃO AS CIDADES A SER DESENHADAS PARA AS ENTREGAS DE E-COMMERCE?
A maioria das cidades estão a ser desenhadas com base em zonas pedonais, ciclovias e transportes públicos. Ou seja, na sua maioria não contemplam as necessidades do e-commerce e das entregas.
Tal como no retalho, haverá lugar para uma logística de proximidade, com pontos de entrega espalhados pelas cidades? Terão as cidades pick-up points ou micro-hubs?

Coffee break

A SOLUÇÃO INTRALOGÍSTICA
A intralogística tem como arte otimizar, automatizar, integrar e gerir fluxos logísticos com base na tecnologia e dados no centro, hub, plataforma ou depósito logístico. Em empresas industriais e comerciais, a logística é um fator-chave para o sucesso dos negócios sustentáveis. De que forma é que a intralogística é ou pode ser, de facto, o fator-chave na otimização do comércio digital.

NECESSIDADES E EXIGÊNCIAS DO B2B E B2C NO E-COMMERCE
Serão as exigências dos consumidores e empresas as mesmas? O Estado é responsável por 85% do total das compras efetuadas por via eletrónica. A logística e os transportes têm os mesmos desafios e exigências? Preço, rapidez, traçabilidade, facilidade na entrega são fatores-chave para ambos?

PRÉMIOS L&TH 2020

TARDE

BIG DATA: O “SEGREDO” DE SABER UTILIZÁ-LOS
Nada é feito hoje, sem dados. O Big Data tornou-se, na realidade, o novo petróleo. Quem conseguir recolher, mas principalmente, tratar e utilizar de forma otimizada os dados, terá a sua operação facilitada e melhorada. Que ferramentas estão disponíveis e como é que, de facto, otimizam a operação são as perguntas mais frequentes.

BIG DATA: IMPOSSÍVEL VIVER SEM ELES
O Big Data é obrigatório nas operações de qualquer empresa que se “move” no universo das compras digitais. Além de saber recolher esses mesmos dados, a sua utilização torna-se fulcral e, em muitos casos, fator de sucesso. Por isso, não é impossível viver sem eles.

Coffee break

OS “NOVOS” TRANSPORTES NAS ENTREGAS
Dissociar as entregas e os transportes é (praticamente) impossível. Ao longo do tempo, as preocupações referentes a esses mesmos meios de transporte alteraram-se. Não só as questões de conforto, conectividade, carga, mobilidade, mas, também, as preocupações ambientais “invadiram” quem transporta e faz transportar. Desde as empresas de transporte aos fabricantes de veículos, a questão ambiental tem levado a que se equacione a utilização dos chamados “veículos verdes”.

SERÁ O E-COMMERCE SUSTENTÁVEL PARA A LOGÍSTICA
A sustentabilidade está na ordem do dia. E em setores como a logística e transportes é imperativo falar desta questão. Que importância, impacto e peso tem a sustentabilidade para quem vende, gere e transporta os produtos até ao seu destino final? A logística de proximidade, com pontos de recolha espalhados pela cidade, poderá ser a resposta à questão ambiental e de sustentabilidade?

Porquê Participar

Interação com os oradores

Possibilidade de ouvir e interagir com os melhores profissionais, inovadores e disruptores do setor

Conteúdos especializados

Casos de estudo e apresentações inspiradoras sobre as principais tendências

Networking

Oportunidade de desenvolver parcerias estratégicas, reuniões one-to-one e aumentar a rede de contactos

Coffee Breaks e almoço

Pausas para café / almoço e oportunidade de visitar a área de exposição

Patrocinadores
Organização
FINAL_IFE_new logo
Local

Auditório IAPMEI Estrada do Paço do Lumiar, Campus do Lumiar, Edif. L

Coordenadas de GPS
38º46 14.4 N 9º10 42.6 W

Contactos

IFE by Abilways
Av.ª da Liberdade, 144 – 3º Dto.
1250-146 Lisboa
Tel.: (00 351) 210 033 800
E-mail: geral@ife.pt

Head of Sales Publicações
Web  Silvia Prestes
Tel.: (00 351) 210 033 818 / 916 193 896
E-mail: sprestes@ife.pt

Account Manager
António Gabriel
Tel.: (00 351) 210 033 806 / 918 146 200
E-mail: agabriel@ife.pt

Marketing
Web Rita Cruz
Tel.: (00 351) 916 606 675
E-mail: rcruz@ife.pt

Inscrições/Logística 
Ana Paredes
Tel.: (00 351) 210 033 824
E-mail: aparedes@ife.pt