Quantcast
Transportes

Air Liquide e Iveco querem acelerar desenvolvimento da mobilidade a hidrogénio

A Iveco, a marca de veículos comerciais da CNH Industrial, e a Air Liquide, empresa de materiais gasosos, tecnologias e serviços para a Indústria e Saúde, assinaram um Memorando de Entendimento para desenvolver a mobilidade a hidrogénio na Europa.

Em comunicado, as empresas informam que irão alocar meios e recursos ao estudo da implementação de camiões pesados de longo curso elétricos a células de combustível, juntamente com a implantação de uma rede de postos de reabastecimento de hidrogénio renovável ou com baixo teor de carbono, ao longo dos principais eixos viários de transporte transeuropeus.

 

“Estamos empenhados no desenvolvimento de uma economia baseada no hidrogénio, pelo que encaramos com entusiasmo a colaboração com a Air Liquide no estudo de uma forma mais eficaz de fornecer aos operadores este combustível alternativo de transporte sustentável,” comentou o presidente indigitado da Unidade de Negócio de Camiões do Grupo Iveco, Luca Sra.

Já o vice-Presidente e membro do Comité Executivo de supervisão das atividades de Hidrogénio da Air Liquide, Matthieu Giard, afirmou: “O hidrogénio pode contribuir significativamente para a redução das emissões do sector dos transportes, uma vez que é particularmente adequado para veículos pesados de longo curso. A Air Liquide orgulha-se desta cooperação com uma marca de referência como a IVECO, no sentido de explorar a melhor forma de colocar em marcha esta verdadeira revolução.”

 

Paralelamente, ambas as parcerias querem promover, conjuntamente, um leque de iniciativas para encorajar a mobilidade com recurso ao hidrogénio, envolvendo todas as partes interessadas, ao longo de toda a cadeia de valor.