Quantcast
Operadores Logísticos

CTT batem recorde de entregas expresso

Nunca tinham sido entregues tantas encomendas em Portugal e Espanha como esta terça-feira (10 de novembro), segundo dados apurados pelos CTT. De acordo com a empresa, este é “um sinal claro da adesão dos consumidores ao comércio eletrónico, mesmo antes do arranque oficial da peak season no e-commerce”.

A peak season arrancou esta quarta-feira (11 de novembro) com o Singles’ Day, inclui a Black Friday e a Cyber Monday e prolonga-se até ao Natal.

Em comunicado, os Correios de Portugal referem que “desde o início da pandemia que os CTT estão a trabalhar com volumes de tráfego de peak season, com um crescimento muito relevante nos setores da alimentação, desporto e lazer, educação e cultura e eletrónica de consumo”.

“A preparação para a peak season iniciou-se com bastante antecedência, procurando estimar em conjunto com os nossos principais clientes o que poderá ser a procura nesse período, e ajustando o processo operacional aos vários níveis da empresa: operações, recursos físicos, distribuição, serviço a cliente, sistemas de informação” explica a empresa, considerando que, com este processo, “estamos muito bem preparados para a peak season”.

Os CTT estão a aumentar o número de centros onde se pode realizar o tratamento destes objetos, que passarão, neste período de pico, a ser recolhidas durante a manhã e também ao fim de semana.

Além disso, para fazer face ao aumento do tráfego, “em alguns períodos o processamento de encomendas será realizado nos sete dias da semana e as entregas serão feitas também ao sábado”, adianta no mesmo comunicado.

Durante este pico de atividade, que se iniciou em março, os CTT avançaram com vários investimentos em diversas frentes de atividade, nomeadamente nas operações, recursos físicos, distribuição, serviço a cliente e sistemas de informação.

O investimento mais expressivo, inaugurado este mês, foi realizado pela CTT Express, filial espanhola dos CTT para o expresso de encomendas, em Madrid, com a instalação de uma nova máquina de tratamento de Encomenda. “A nova máquina consegue classificar mais envios em menor tempo, reforçando a eficiência da operação”, lê-se no mesmo comunicado.

Além disso, a CTT Express também dotou as instalações com novos sistemas de automatização, com software de inteligência artificial para otimizar a operação, facilitando o trabalho dos funcionários, aumentando a capacidade e flexibilidade e melhorando a qualidade do serviço.