Quantcast
Operadores Logísticos

DHL inicia distribuição internacional de vacinas covid-19

A DHL já iniciou a distribuição internacional da vacina covid-19. O governo de Israel recebeu o primeiro lote da vacina, em dezembro, através dos voos operados pela DHL Express e pela DHL Global Forwarding.

Para além dos primeiros voos para Israel, a DHL prepara-se para efetuar novos voos com vacinas a partir dos seus centros de operações mundiais

Em comunicado, a DHL explica que mais de nove mil especialistas estão a trabalhar para garantir que “os produtos farmacêuticos, dispositivos médicos, ensaios clínicos e organismos de investigação, armazenistas e distribuidores, bem como hospitais e prestadores de cuidados de saúde, estejam ligados através da cadeia de valor e da digitalização, desde os ensaios clínicos até ao ponto de atendimento, e cada passo entre eles”.

Em Portugal, a empresa garante possuir “total capacidade para apoiar na distribuição da vacina”, uma vez que dispõe de uma infraestrutura “robusta”, tanto ao nível das instalações, como da rede de distribuição, que cobre a totalidade de Portugal Continental e Ilhas.

“Após vários meses de preparação, estamos satisfeitos por a nossa missão de distribuição de vacinas já ter começado e podermos, assim, contribuir com a nossa experiência e capacidade logística para tornar a vacina acessível em todo o mundo”, afirmou Travis Cobb, chefe de operações da rede global e de aviação da DHL Express.

Por sua vez, Thomas Mack, chefe da carga aérea global, DHL Global Forwarding, não esconde a satisfação por poder “desempenhar um papel ativo como o fornecedor logístico mais global para levar esta “luz” às pessoas”.

“Com os nossos vastos conhecimentos logísticos no sector das Ciências da Vida e da Saúde, aliados ao empenho e paixão das nossas pessoas, queremos desempenhar o nosso papel na história da pandemia por coronavírus”, sublinhou.