Transportes

Greenplan lança algoritmo para otimização de rotas individuais

Greenplan lança algoritmo para otimização de rotas individuais

A Greenplan, start-up financiada pela DHL, vai lançar um algoritmo poderoso para otimização de rotas na logística. O algoritmo tira partido do potencial do smart routing, utilizando todas as informações e dados disponíveis para otimizar as rotas de transporte numa área global, enquanto as soluções existentes lidam com sub-areas menores para reduzir a complexidade. Desta forma, o Greenplan estabelece um novo benchmark, ao reforçar a eficiência e a sustentabilidade da indústria sem comprometer a qualidade do planeamento. O algoritmo foi desenvolvido por cientistas da Universidade de Bona, em cooperação com os especialistas em logística da DHL.

Clemens Beckmann, CEO da Greenplan, explica que, com este algoritmo, “estamos a enfrentar a complexa tarefa de planeamento eficiente de rotas, ao oferecer uma solução precisa e confiável que pode ser integrada nos sistemas existentes com o objetivo de tornar a indústria mais eficiente e sustentável”.

O responsável pela Greenplan salienta ainda que, ao contrário de quase todas as ferramentas no mercado, calcula-se – pela primeira vez – as rotas de acordo com o histórico de informação disponível de trânsito na rua. “Isto permite, por sua vez, que os clientes economizem até 20% dos custos em comparação com as soluções padrão de otimização de rotas, e que diminuam a sua pegada ecológica em conformidade, ao reduzir simplesmente os quilómetros percorridos”.

Admitindo que as necessidades do consumidor estão em constante mudança, destaque para o mercado em crescimento do e-commerce que incentiva a procura de serviços de transporte para o mesmo dia, enquanto o mercado da logística contratualizada aponta cada vez mais para o processamento just-in-time. O algoritmo Greenplan está preparado para essas situações e é capaz de assimilar não só os endereços dos destinatários, mas também a janela temporal individual no que diz respeito aos envios. Ao considerar a duração das viagens dependente da altura do dia, o Greenplan calcula o horário otimizado para o início dos percursos. A solução também apoia o planeamento de contingência no caso de disponibilidade incompleta de dados, e considera variáveis relevantes para o sistema. Estas funcionalidades oferecem uma solução robusta que é adaptável a uma variedade de problemas ou mudanças personalizadas.

A Greenplan capacita os clientes para estes levarem a cabo as suas próprias estratégias sustentáveis, ao permitir a redução das emissões de CO2 através de distâncias mais curtas e menos percursos. A Greenplan fornece não só visibilidade sobre a pegada ecológica estimada, baseada nas rotas planeadas, como também considera as emissões por tipo de veículo para planear as rotas mais eficientes no que diz respeito às emissões de CO2. Além disso, o algoritmo é capaz de considerar parâmetros específicos para frotas de veículos elétricos. No geral, o algoritmo inteligente reduz custos e emissões de CO2, o que ajuda não só as empresas de logística, como também apoia os fornecedores de serviços que necessitam de planear os horários dos seus colaboradores.