Quantcast
Supply Chain

Custo e digitalização são prioridades de responsáveis da logística

Um estudo recentemente divulgado pela Gartner põe em evidência aquilo que a maioria dos profissionais do setor da logística e da distribuição já vinham sentido: a operação está mudar e as prioridades também.

Hoje em dia, até pelas sequelas de uma pandemia global de Covid-19, custo e tecnologia são percecionados como os dois pontos-chave onde investir. Segundo o evidenciado pela consultora junto de 199 executivos de topo (Chief Supply Chain Officers), cerca de um quinto (17%) dos líderes empresariais disseram que desejam que seus chefes de cadeia de abastecimento tenham maior controlo sobre os gastos e economia de custos, enquanto 16% acreditam que deveriam dedicar os seus esforços na resiliência da cadeia.

Confira os dois pontos destacados pelos inquiridos:
1- “Com 60% dos entrevistados a dizer esperar um boom económico até o final de 2022, os CEOs estão também a encarregar os CSCOs de redefinir a sua transição para o digital. A maioria dos entrevistados (80%) indicou que aumentaria o orçamento anual para tecnologia, mas terá como objetivo afastar-se de projetos de transformação digital opacos, em vez de se concentrar em iniciativas específicas”

2 – “Mais de dois terços dos executivos entrevistados pela Gartner disseram que a pandemia foi um momento crucial no realinhamento dos seus negócios, com 79% a dizer esperar que a epidemia deixe repercussões duradouras e transformadoras no comportamento da sociedade, na sua organização e nos indivíduos”.