Transportes

Rumo a um setor dos transportes marítimo neutro em carbono e competitivo

transporte_maritimo

O futuro do transporte marítimo e da navegação interior é neutro em carbono, sem acidentes, automatizado e competitivo, conclui, recentemente, o Conselho Europeu.

Estas conclusões sublinham a importância vital do setor do transporte marítimo e por vias navegáveis interiores para fazer chegar bens essenciais aos cidadãos europeus, como demonstrado pelo papel fundamental desempenhado pelo setor durante a pandemia de COVID-19. O Conselho louva, em particular, o papel crucial dos transportes marítimos, dos trabalhadores da navegação interior e dos trabalhadores portuários na manutenção do funcionamento das cadeias de abastecimento.

O texto apoia igualmente a visão para o setor dos transportes por via navegável, da UE definida na declaração adotada na reunião informal dos ministros dos Transportes Marítimos, organizada pela Presidência croata a 11 de março de 2020 em Opatija, na Croácia.

“A Presidência croata definiu como prioritário, desde o início, um setor dos transportes por via navegável da UE sustentável, moderno e competitivo. E a crise da COVID-19 veio demonstrar que esta visão nunca foi tão relevante. Alcançaremos este objetivo investindo na transformação digital, na segurança e nos trabalhadores do setor. São essas vertentes que dão, e continuarão a dar, a vantagem competitiva ao setor dos transportes por via navegável da EU”, referiu Oleg Butković, ministro do Mar, dos Transportes e das Infraestruturas da Croácia, presidente do Conselho, no final da reunião.