Conselho de Administração do Porto de Lisboa foi reeleito

Foi aprovado em assembleia-geral pelo Estado, enquanto accionista único, o relatório de gestão, assim como as contas relativas ao exercício de 2007 da Administração do Porto de Lisboa, SA (APL).

Foi aprovado em assembleia-geral pelo Estado, enquanto accionista único, o relatório de gestão, assim como as contas relativas ao exercício de 2007 da Administração do Porto de Lisboa, SA (APL).

 

Os resultados líquidos positivos de 1,776 milhões de euros serão aplicados do seguinte modo: reservas legais (10%), resultados transitados (40%) e distribuição de dividendos (50%).

 

Já o relatório de contas mostra que o total de carga movimentada cresceu cerca de 9,5% (13,9 milhões de toneladas), enquanto que a carga contentorizada aumentou 10,4% (sendo que no caso de Alcântara a subida foi de 11,3%); os granéis sólidos alimentares progrediram 10,9%; o tráfego fluvial de mercadorias subiu 50,4% e nos cruzeiros verificou-se um aumento do número de passageiros da ordem dos 13% (pela primeira vez foi ultrapassada a barreira das 300 mil pessoas).

 

Foram ainda aprovadas pela assembleia-geral alterações aos estatutos da sociedade, de forma a contemplar o novo modelo de fiscalização – a APL passa a dispor de um conselho fiscal).

 

A composição dos órgãos sociais da APL para o triénio 2008-2010 será, por votação:

Conselho de Administração

Presidente: Manuel Alcindo Antunes Frasquilho

Vogal: Daniel José de Freitas Esaguy

Vogal: Sandra Ribeiro de Magalhães Vilhena Ayres

Assembleia Geral

Presidente: Associação Industrial Portuguesa