Sustentabilidade

CTT em terceiro lugar no índice de sustentabilidade de operadores postais

CTT em terceiro lugar no índice de sustentabilidade de operadores postais

Os CTT estão, este ano, na terceira posição do programa de sustentabilidade EMMS – Environmental Measurement and Monitoring System, do International Post Corporation (ICP), a nível mundial. Este ranking inclui 20 países e distingue os operadores postais pelas boas práticas de sustentabilidade.

De acordo com a empresa, a subida dos CTT neste ranking reconhece a expansão da frota elétrica, que conta neste momento com 353 veículos, a fixação de metas de redução carbónica que contribuam para o objetivo de manter o aumento da temperatura média global abaixo dos 2ºC, e à certificação dos sistemas de gestão ambiental CTT.

“O IPC destaca a redução de 68% das emissões carbónicas resultantes da atividade direta da empresa desde o início do programa e frisa o desempenho dos CTT, que são o benchmark setorial em três pilares de avaliação da proficiência carbónica: ‘Política de gestão carbónica’, ‘Princípios e standards’ e ‘Metas carbónicas’”.

De acordo com o EMMS, em 2017, as melhorias na gestão de carbono voltaram a levar a uma redução das emissões do setor postal. O relatório conclui que mais de 1,7 mil milhões de euros foram poupados em combustível e eletricidade desde 2008. Os operadores postais incluídos neste ranking já atingiram a meta de redução das emissões carbónicas totais em 20% seis anos antes do tempo e estão apenas a dois pontos percentuais de atingir a meta de proficiência carbónica para 2020.