Logística

DB Schenker desenvolve novo serviço de logística para indústria de baterias

DB Schenker apostada na sustentabilidade para construção de terminais

A DB Schenker desenvolveu um novo produto para responder à crescente procura de transporte e gestão de baterias, fundamentais para o avanço da mobilidade elétrica. De acordo com especialistas, em 2030, existirão mais de 130 milhões de veículos elétricos a circular nas estradas em todo o mundo.

Apesar de a energia e a disponibilidade das baterias serem essenciais a mudança nos transportes, os fabricantes enfrentam novos desafios relativamente à logística e ao stock destes materiais. O transporte, a devolução e a reciclagem de baterias são complexos, devido à sua classificação como mercadorias perigosas e aos rigorosos requisitos legais exigidos para o respetivo transporte e armazenamento. Perante a situação, a DB Schenker lançou um novo serviço para este setor, que combina regulamentos nacionais e internacionais sobre tipos de baterias e modos de transporte.

“As baterias são as principais impulsionadoras da eletrificação no mundo. Com a nossa rede global, podemos cobrir toda a área logística para criar soluções fiáveis para o transporte e armazenamento de baterias, de forma segura e personalizada. Acreditamos que a mobilidade elétrica será um fator essencial para um futuro mais sustentável. Com o nosso novo serviço dedicado à logística de baterias, estamos orgulhosos de ser um facilitador deste desenvolvimento revolucionário”, diz Jochen Thewes, CEO da DB Schenker.

Como fornecedora integral de serviços logísticos, a DB Schenker oferece todos as modalidades de transporte, além de soluções personalizadas para o ciclo de vida completo das baterias. Isto inclui tanto o transporte de materiais que entram para os centros de produção, com controlo de temperatura e transporte de mercadorias acabadas em embalagens devidamente aprovadas e rotuladas como mercadorias perigosas.

De acordo com as normas ambientais, a DB Schenker também permite o armazenamento de baterias separadas de outros produtos combustíveis. As baterias de lítio, em particular, são sempre mantidas em áreas secas e bem ventiladas.

Além disso, também é garantido o armazenamento livre de pó, serviços de pós-venda e toda a documentação de transporte necessária. Adicionalmente, a logística inversa inclui a reciclagem ou a eliminação de baterias de acordo com a legislação nacional e em estreita cooperação com parceiros selecionados, incluindo baterias danificadas ou com defeito.

“Durante muitos anos, reunimos uma profunda experiência nas indústrias automotiva, eletrónica e de semicondutores. Agora combinamos o nosso know-how e competências numa solução industrial. Dada a nossa profunda experiência, também estamos satisfeitos por oferecer consultoria e formação a empresas para a gestão das suas cadeias de fornecimento de baterias”, afirma Rainer Kiefer, EVP global sales da DB Schenker.

Transporte individualizado e multimodal

Ao combinar cargas completas em camiões e proporcionar soluções individuais e acordos especiais, a unidade de negócios de transporte terrestre da DB Schenker já é capaz de cobrir 98% da procura de serviços terrestes para cargas perigosas, incluindo baterias. O transporte marítimo de baterias pode ser combinado com infra-estruturas de transporte terrestre para dar resposta aos padrões de soluções integrais para a cadeia de abastecimento porta-a-porta.

Como o transporte aéreo é a opção mais rápida para levar as mercadorias para os seus destinos, a DB Schenker trabalha na gestão de transporte de baterias em rotas relevantes. Mais de 100 dos locais de carga aérea operacional da DB Schenker em todo o mundo oferecem os padrões FSR-A (Facility Security Requirements). Graças ao acesso à vasta rede da DB Cargo, as conexões intermodais de transporte ferroviário ligam os locais de produção de baterias na Europa e na China a clientes finais em vários países europeus.

A solução multimodal da DB Schenker permite menores custos de transporte, em comparação com o frete aéreo, assim como prazos de entrega mais curtos em comparação com o frete marítimo. Além do transporte ferroviário, a nova gama de serviços inclui transporte em camião, transbordos em terminais e portos ferroviários e várias atividades adicionais, como controlo de qualidade, documentação e despacho aduaneiro.