Fertagus cresce 6%

A Fertagus, concessionária da linha ferroviária do Eixo Norte/Sul, registou em 2008 resultados operacionais de 27,5 milhões de euros, mais 6% que 2007, ano onde esse valor se situou nos 25,9 milhões de euros.

A Fertagus, concessionária da linha ferroviária do Eixo Norte/Sul, registou em 2008 resultados operacionais de 27,5 milhões de euros, mais 6% que 2007, ano onde esse valor se situou nos 25,9 milhões de euros.

O crescimento assenta, fundamentalmente, no aumento de 3% do número de passageiros transportados, que em 2008 atingiu os 22,6 milhões.

A empresa do Grupo Barraqueiro, concessionária da travessia do Tejo através da Ponte 25 de Abril, apresentou um EBITDA, excluindo a compensação por serviço público, de -0,80 milhões de euros, o que é também um melhoramento em relação ao ano anterior, onde se situou nos -1,74 milhões de euros.

O valor entregue ao Estado em 2008, decorrente da partilha do excedente de receitas, atingiu os 3 milhões de euros, valor mais elevado que no ano anterior, onde se cifrou em 2,38 milhões de euros.

José Luís Catarino, presidente da Fertagus, afirmou que «os resultados alcançados confirmam a validade da estratégia de gestão concretizada pela empresa ao longo destes quase dez anos, justificando o natural orgulho por protagonizarmos um caso único de exploração economicamente sustentada de um serviço público de transporte ferroviário».

Entretanto, num estudo anual realizado junto dos utentes, conclui-se que, na apreciação da qualidade de serviço, a Fertagus alcança uma nota positiva de 4,34 numa escala de 1 a 5 pontos. A eficiência, a inovação e a estabilidade são os valores de maior expressão para os inquiridos.