Quantcast
DTZ

Operações logísticas europeias ocupam já 3,8 milhões de metros quadrados

Retalho omnicanal cria novos desafios para as empresas de logística e transportes

As operações logísticas e industriais europeias ocupavam já até ao primeiro trimestre deste ano cerca de 3,8 milhões de metros quadrados, um aumento de 6% face ao período homólogo. De acordo com os dados divulgados pela consultora DTZ, este crescimento foi impulsionado pela elevada procura por espaços logísticos e industriais.

Segundo os mesmos dados, os três mercados mais ativos na procura de espaços industriais e logísticos são o Reino Unido, Alemanha e França.

Os valores de arrendamento deste tipo de espaços mantiveram-se estáveis na maioria dos mercados europeus no primeiro trimestre do ano, mas em alguns mercados, como Bucareste a Budapeste, registaram-se aumentos.

Magali Marton, Head of EMEA Research na DTZ, explica que “como verificámos na tendência de 2014, os investidores dos Estados Unidos da América continuam a demonstrar um grande interesse nos mercados industriais europeus.”