Quantcast
Logística

Receitas da UPS crescem 3,8% no segundo trimestre

supply chain

A UPS anunciou esta semana um resultado líquido por ação de 1,43 dólares no segundo trimestre do ano, um crescimento de 6% face ao período homólogo. Numa nota enviada às redações, a empresa revela que a receita total aumentou 3,8%, para um valor de 14,6 mil milhões de dólares.

“O lucro operacional internacional registou um crescimento de 11% para 613 milhões de dólares, representando assim o sexto trimestre consecutivo com um crescimento de dois dígitos”, revela ainda a companhia.

“Estamos a investir para expandir a nossa rede global, através da implementação de novas tecnologias e da captação de novas receitas em mercados de alto crescimento”, refere David Abney, presidente e CEO da UPS. “Estes investimentos estratégicos na diversificação do negócio geraram, mais uma vez, forte valor para os nossos clientes e acionistas.”

O lucro operacional resultante das operações domésticas da empresa aumentou para 1,2 mil milhões de dólares. Para além disso, de acordo com a UPS, as “melhorias na produtividade sustentadas pela tecnologia, combinadas com o menor custo do combustível, resultaram numa redução de 0,2% do custo por unidade, em comparação com o mesmo trimestre de 2015.”

O lucro operacional internacional, por sua vez, aumentou cerca de 11 pontos percentuais para 613 milhões de dólares, “um nível recorde para o segundo trimestre” que é fruto do “crescimento do volume em todos os produtos, estratégias de preço rigorosas e da otimização da eficiência da rede”.

A receita da área de Supply Chain & Freight aumentou mais de 13%, para 2,5 mil milhões de dólares, o negócio de Forwarding “expandiu as suas margens operacionais através de um foco na qualidade da receita e na redução dos custos operacionais”, e a unidade de Distribuição “registou um forte crescimento da receita nas áreas do Healthcare, Aeroespacial e Automotive”.

“A UPS produziu resultados sólidos no segundo trimestre, apesar da incerteza que se continua a sentir na macroeconomia”, sublinha Richard Peretz, diretor financeiro da UPS. “Os investimentos em tecnologia e na produtividade da nossa rede integrada estão a gerar resultados sólidos. Assim, podemos reafirmar a nossa orientação de lucros diluídos por ação para 2016 de 5,70 a 5,90 dólares.”