Quantcast
Mobilidade

Brisa investe 10 milhões de euros em nova rede de carregamentos elétricos

A Brisa lança hoje o Via Verde Eletric, a maior rede privada de pontos de carregamentos elétricos rápidos e ultrarrápidos das autoestradas portuguesas. A nova rede resulta de uma parceira da Brisa com a BP, Cepsa, EDP Comercial, Galp Electric, Ionity e Repsol, representando um investimento global na ordem dos 10 milhões de euros.

De acordo com a Brisa, numa viagem entre Porto e Faro, por exemplo, o Via Verde Eletric terá 12 pontos de carregamento, com 24 carregadores.

Os condutores têm disponíveis soluções de carga rápida (de 50kW) e ultrarrápida (de 150 a 350kW), aproximando a duração do carregamento elétrico do tempo de um abastecimento convencional.

“Os pontos de carregamento ficam instalados junto à zona de restauração das áreas de serviço Colibri, para que o condutor tenha, durante o período de recarga, o descanso e o conforto de um serviço de qualidade”, lê-se em comunicado.

A empresa adianta ainda que “o Via Verde Eletric vai contar com mais de 80 pontos em todas as áreas de serviço da rede Brisa Concessão Rodoviária”, que deverá estar completa no próximo ano.

“Com os nossos parceiros, estamos a derrubar barreiras para o uso de veículos elétricos para as médias e longas distâncias. No próximo verão, será possível viajar num veículo elétrico com total conforto, do Minho ao Algarve, na rede Brisa”, o presidente executivo da Brisa, António Pires de Lima.