Quantcast
Transportes

Daimler e Shell firmam parceria para acelerar camiões a hidrogénio

A Daimler anunciou esta quinta-feira, dia 20 de maio, ter assinado um acordo com a Shell New Energies para acelerar a inovação para uma conversão para camiões a hidrogénio na Europa.

Segundo o explicado, as empresas pretendem apoiar a descarbonização e, para tal, estarão a preparar a infraestrutura necessária  para o reabastecimento de hidrogénio ao mesmo tempo que convergem a produção de veículos para camiões deste ‘formato’.

“A Shell pretende inicialmente implantar uma rede de reabastecimento de hidrogênio unindo três centros de produção de hidrogénio verde no Porto de Roterdão, na Holanda, bem como em Colónia e Hamburgo, na Alemanha. A partir de 2024, a Shell pretende lançar postos de abastecimento de pesados ​​entre os três locais e a Daimler Truck pretende entregar os primeiros caminhões pesados ​​a hidrogénio aos clientes posteriormente em 2025”, afirma-se em comunicado.

“Queremos ajudar nossos clientes a reduzir suas emissões, acelerando a velocidade com que os caminhões a hidrogênio se tornam uma alternativa comercialmente viável aos equivalentes a diesel”, afirmou Ben van Beurden, CEO da Royal Dutch Shell.

Martin Daum, Presidente do Conselho de Administração da Daimler Truck AG e Membro do Conselho de Administração da Daimler AG, mostrou-se também muito satisfeito com o acordo: “A Shell e a Daimler Truck estão convencidas de que os camiões movidos a célula de combustível de hidrogénio serão a chave para permitir o transporte neutro de CO2 no futuro. Com esta colaboração incomparável entre dois grandes players do setor, somos os pioneiros a abordar a questão do que deve vir primeiro: infraestrutura ou veículos. A resposta é que ambos têm de andar de mãos dadas e ambos estamos entusiasmados com este passo importante.”