Quantcast
Transportes

Ford afirma-se no segmento de pesados e já tem quota de 6% em Portugal

F Max é aposta da Ford Trucks para Portugal

A Ford Trucks anunciou esta segunda-feira, dia 17 de maio, estar muito satisfeita com o seu crescimento no segmento de pesados no mercado nacional.

Segundo a marca, a Ford registou, em 2020, “uma quota de mercado de 6% no segmento dos veículos acima das 16 toneladas, demonstrando assim ter conseguido superar as inseguranças económicas provocadas pela pandemia Covid-19 e afirmar-se no mercado português, ultrapassando marcas de notoriedade no setor”.

Bruno Oliveira, responsável pela Ford Trucks em Portugal, em comunicado, mostrou-se muito satisfeito com estes resultados. “Considerando o enquadramento da marca – que entrou em Portugal há menos de dois anos e num mercado que por si só já tem pouco crescimento por estar bastante consolidado – atingir 6% de quota de mercado, durante um período de pandemia, é sem dúvida um grande feito. Temos apostado de forma constante na inovação dos veículos e na expansão geográfica da rede de concessionários e acredito que este resultado seja consequência do trabalho que temos desenvolvido ao longo deste ano e meio”, explicou.

De acordo com o anunciado, a Ford Trucks vendeu, em 2020, cerca de 141 viaturas, atingido um volume de negócios na ordem dos quase 21 milhões de euros, tendo ainda expandido a rede de concessionários a cinco novas localizações: Vilar do Pinheiro, Albergaria-a-Velha, Viseu, Meirinhas e Loulé. Para este ano, a grande aposta da marca passa pela centralização das tecnologias de mobilidade de futuro, como é exemplo o lançamento do novo modelo F-MAX Max Range, com uma autonomia até 5 mil quilómetros e um depósito de combustível com uma capacidade de 1.350 litros.