Quantcast
Portos

Porto de Bilbau com quebra de 16,7% em 2020

Porto de Bilbau

O Porto de Bilbau registou, em 2020, uma descida de 16,7% no movimento de carga. No total movimentou 29,5 Mt, revela o portal espanhol ALIMARKET.

O crude de petróleo e o óleo combustível assim como os produtos da siderurgia foram os que tiveram a maior queda.

A nível de faturação existiu uma redução de 14,9% (de 60,3 milhões de euros para 58,9 milhões), causada pelo menor volume de tráfego portuária assim como pelas medidas de apoio económico a concessionários e utilizadores aplicadas pela autoridade portuária.

A autoridade portuária do Porto de Bilbau confia que neste ano os dados serão melhores.

Apesar das quebras, a autoridade portuária continua com o seu plano de investimentos de forma a, por um lado, dar resposta às necessidades operacionais do porto no curto, médio e longo prazo; e, por outro lado, colaborar para a reativação económica do setor privado com base nos investimentos a serem realizados pelas administrações públicas. Entre as principais obras em curso ou previstas para este ano, destaca-se a urbanização da primeira fase do quebra-mar central.